Cinco filmes para refletir sobre a ditadura da beleza e amor-próprio

O maior serviço de streaming do mundo, a Netflix, lançou no mês passado o original Sierra Burgess é Uma Loser. O filme tem dividido opiniões porque, apesar de ter uma protagonista gorda – interpretada pela atriz Shannon Purser – muita gente pensa que o enredo possui falhas sérias e não promove o amor próprio e a confiança.

Em tempos de empoderamento feminino, movimento body positive e luta contra os preconceitos, separamos cinco filmes que têm uma mensagem bacana nesse sentido e que questionam a ditadura da beleza e/ou falam sobre amor-próprio. Prepare a pipoca!

Continue lendo “Cinco filmes para refletir sobre a ditadura da beleza e amor-próprio”

Nova série da Netflix é acusada de gordofobia e vira polêmica

A Netflix causou a ira de muita gente ao redor do planeta – e olha que foi com uma série que nem mesmo estreou! Após ter seu trailer divulgado, Insatiable foi acusada de gordofobia.

O programa é estrelado por Debby Ryan, uma ex-estrela da Disney (protagonista de Jessie e do filme 16 Desejos). Ela interpreta Patty, uma garota gorda que é vítima de bullying na escola. Após quebrar a mandíbula durante o Verão, a garota emagrece e resolve se vingar de todo mundo que a fez sofrer.

Continue lendo “Nova série da Netflix é acusada de gordofobia e vira polêmica”

Qual a importância de 13 Reasons Why?

O texto contém spoilers do último episódio da segunda temporada de 13 Reasons Why. Não leia se não quiser saber o que acontece.

Mesmo que você não seja fã de 13 Reasons Why, da Netflix, deve reconhecer a importância da série não só para a prevenção ao suicídio, mas também para a discussão de temas como abuso sexual e bullying. Apesar de trazer questões delicadas e dividir opiniões sobre a sua abordagem, a trama sobre o suicídio da adolescente Hannah Baker influencia diretamente no aumento da quantidade de pessoas que procura informações sobre o tema e até ajuda psicológica.

Continue lendo “Qual a importância de 13 Reasons Why?”