Thaís Carla posa de lingerie: ‘Aceitar meu corpo foi libertador’

A bailarina Thaís Carla – que ficou ainda mais conhecida por fazer parte da equipe de shows de Anitta – publicou uma foto de lingerie e escreveu um comentário sobre o preconceito sofrido por mulheres gordas. “Por que quando uma gorda posta uma foto com roupa íntima, ela está sendo vulgar? Ou está se expondo demais? Eu ficaria tão feliz se essas mesmas pessoas começassem a respeitar as diferenças e as singularidades”, desabafou.

Continue lendo “Thaís Carla posa de lingerie: ‘Aceitar meu corpo foi libertador’”

Jessie J emociona no clipe de Queen com mulheres poderosas e diversas

Se você ainda não viu ao clipe de Queen – lançado há uma semana por Jessie J – pare tudo o que estiver fazendo e assista agora, sério. A princípio, o que mais parece um vídeo egocêntrico – com show de poses e carões por parte da artista – se transforma em um verdadeiro espetáculo de diversidade.

Lançado no ano passado, o single fala de amor próprio (veja tradução abaixo). O vídeo ilustra bem a canção, que busca o empoderamento feminino a partir de aumento da autoestima (“eu amo meu corpo, amo minha pele, eu sou uma deusa, sou uma rainha”, diz o refrão).

Continue lendo “Jessie J emociona no clipe de Queen com mulheres poderosas e diversas”

Qual a importância de 13 Reasons Why?

O texto contém spoilers do último episódio da segunda temporada de 13 Reasons Why. Não leia se não quiser saber o que acontece.

Mesmo que você não seja fã de 13 Reasons Why, da Netflix, deve reconhecer a importância da série não só para a prevenção ao suicídio, mas também para a discussão de temas como abuso sexual e bullying. Apesar de trazer questões delicadas e dividir opiniões sobre a sua abordagem, a trama sobre o suicídio da adolescente Hannah Baker influencia diretamente no aumento da quantidade de pessoas que procura informações sobre o tema e até ajuda psicológica.

Continue lendo “Qual a importância de 13 Reasons Why?”

Pole dance ajuda praticantes a superar limites e a acreditar em si mesmos

Os mais desavisados podem pensar que é “coisa de dançarina exótica”. E se for, qual o problema? Mas, pole dance é muito mais do que mulheres dançando sedutoramente em volta de um tubo de aço inox. Reconhecida como esporte pela Associação Global das Federações Esportivas Internacionais (GAISF) em outubro do ano passado, a modalidade combina dança, acrobacias, além de exigir muita força, flexibilidade e dedicação. Democrática, a dança trabalha toda a musculatura do corpo e traz inúmeros benefícios para o bem-estar físico e mental dos praticantes. Veja onde fazer abaixo.

Continue lendo “Pole dance ajuda praticantes a superar limites e a acreditar em si mesmos”

Paula Bastos lançará coleção plus size de vestidos para noivas e madrinhas

A blogueira Paula Bastos (@parispaula) acaba de anunciar uma novidade: ela fará vai lançar uma coleção plus size de vestidos para noivas e madrinhas com o estilista paulistano Arthur Caliman, que é reconhecido no mundo da moda pela produção de trajes para festa e ocasiões especiais.

O anúncio foi feito por Paula em seu Instagram nesta terça-feira (15). “Acredito que toda “influência” existe pra fazer o bem. Por isso, pensando em tantas leitoras que já me pediram ajuda nesses anos todos, me uni ao estilista Arthur Caliman para desenvolver uma coleção especial”, escreveu a blogueira.

Continue lendo “Paula Bastos lançará coleção plus size de vestidos para noivas e madrinhas”

Vítima de bullying, atriz de Malhação Guilhermina Libanio vira referência e pede mais gordas na TV

A atriz Guilhermina Libanio, 20 anos, é a única gorda de sua geração em uma novela da TV Globo. Assim, em pouco tempo, a jovem virou referência para jovens que buscam identificação e representatividade na televisão. Protagonista desta quinzena de Malhação – Vidas Brasileiras, ela usou experiências pessoais para compor o papel de uma vítima de bullying. Em entrevista ao site Notícias da TV, do UOL, Guilhermina destaca que ainda falta muita representatividade gorda nas novelas.

“Principalmente de gordas como protagonistas. Sinto falta de mulheres fazendo papéis em que ser gorda não é uma questão, entende? Eu espero que daqui pra frente possamos ver mulheres gordas, sensuais e bem-sucedidas, gordas fazendo a mocinha, a vilã. Vamos sair do estereótipo de gorda engraçada”, clama.

Continue lendo “Vítima de bullying, atriz de Malhação Guilhermina Libanio vira referência e pede mais gordas na TV”