Nova série da Netflix é acusada de gordofobia e vira polêmica

A Netflix causou a ira de muita gente ao redor do planeta – e olha que foi com uma série que nem mesmo estreou! Após ter seu trailer divulgado, Insatiable foi acusada de gordofobia.

O programa é estrelado por Debby Ryan, uma ex-estrela da Disney (protagonista de Jessie e do filme 16 Desejos). Ela interpreta Patty, uma garota gorda que é vítima de bullying na escola. Após quebrar a mandíbula durante o Verão, a garota emagrece e resolve se vingar de todo mundo que a fez sofrer.

O trailer da série mostra Patty sofrendo bullying dos colegas
(Foto: Reprodução)

A internet – e, confesso, eu também! – não gostou nada da história. Entre as principais críticas, está o fato de que as mulheres precisam ser magras para se dar bem. E de que é ok todo o conceito de ‘revenge body’ – ou seja, ‘melhorar’ o visual (adequar aos padrões considerados ideais pela sociedade) para aplicar vinganças.

Rapidinho, foi criada uma petição que tenta impedir que a atração fique disponível no catálogo da empresa.

A protagonista da atração, Debby Ryan, é ex-estrela da Disney (Foto: Reprodução/Instagram)

“Por muito tempo, a narrativa disse às mulheres e às jovens impressionáveis que, para serem populares, terem amigos, serem desejáveis para o olhar masculino e, até certo ponto, para um humano digno… elas precisam ser magras. A toxicidade desta série é maior do que ela em particular. (…) Ela perpetua não só a toxicidade da cultura da dieta, mas a objetificação do corpo das mulheres”, diz o abaixo-assinado.

A polêmica ficou tão grande que a protagonista de Insatiable recorreu às redes sociais para se explicar. Debby Ryan fez um textão, em que dizia que “nós não estamos no negócio de fat shaming. Estamos de olho em sistemas quebrados e prejudiciais que igualam a magreza ao valor”.

O textão postado pela protagonista (Foto: Reprodução)

“No fim, terminou pedindo que os fãs “assistam ao show antes de julgar. Se você fizer esse passeio, eu acho que você reconhecerá a si mesmo e as coisas que o deixam louco por nossa cultura fraturada e obcecada pela beleza”.

Lauren Gussis, roteirista da série, também quis dar sua versão.

Roteirista da série, Lauren foi outra que se pronunciou (Foto: Reprodução)

“Aos 13 anos, eu tinha tendências suicidas. Minhas melhores amigas me largaram, eu sofria bullying, eu queria vingança. Eu achava que se eu parecesse bonita por fora, isso seria o suficiente. Em vez disso, desenvolvi um complexo alimentar. E aquele tipo de raiva que faz você desejar fazer coisas ruins”.

Ela seguiu: “Eu ainda não estou confortável comigo mesma, mas estou tentando compartilhar meu interior – compartilhar minha dor e vulnerabilidade por meio do humor. Esse é o meu jeito. A série é um conto sobre como pode ser destrutivo pensar que o exterior é mais importante – sobre julgar superficialmente. Por favor, deem uma chance para a série”.

Em seu canal do YouTube, a jornalista e influencer Alexandra Gurgel disse que entende às críticas feitas ao trailer da série, mas falou que irá assistir à produção antes de opinar sobre sua trama.

Insatiable tem estreia prevista para o dia 10 de agosto. Olha só o trailer:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *